Casas de Sementes Comunitárias

Nome da Organização

ESPLAR - Centro de Pesquisa e Assessoria

Autor

Andrea Sousa Lima

Localização

Rua Princesa Isabel, nº 1978 - Bairro: Benfica - CEP: 60015-035 - Fortaleza / CE

Áreas de Atuação

Agricultura Familiar; Gênero, na perspectiva feminista; Agroecologia; Água e qualidade de vida; Consórcios agroecológicos; Educação do Campo; Quintais Produtivos; Sementes Crioulas; Soberania e Segurança Alimentar; Algodão Agroecológico

Resumo

O projeto é uma das estratégias de convivência com o semiárido proposta pela Articulação Semiárido Brasileiro – ASA, teve como objetivo construir e estruturar casas de sementes comunitárias propiciando o acesso de agricultoras/es familiares a sementes e oportunizando a preservação, multiplicação, estoque e distribuição de sementes crioulas. A guarda de sementes contribui para a diversidade das espécies e das variedades adaptadas ao semiárido. As casas de sementes estão ligadas a história das comunidades, a cultura local de plantio, valorizando os saberes, as diversidades locais e garantia da soberania e segurança alimentar, evitando o uso de sementes transgênicas e agrotóxicos nos agroecossistemas familiares.

Público Alvo

Agricultoras e agricultores familiares

Local da Implementação da Solução

Territórios: Sertão dos Crateús, Sertão dos Inhamuns, Sertão Central, Vale do Jaguaribe e municípios na região metropolitana de Fortaleza

Abrangência

Estadual

Parceiros

Sim. Articulação Semiárido Brasileiro, ASA

Período de Desenvolvimento da Solução

3 anos

Quais foram as principais influências na construção da Solução?

Agricultoras e agricultores familiares guardam sementes para os próximos plantios. Esse costume significa autonomia em relação à dependência de sementes, além de assegurar sementes locais e adaptadas para plantio em períodos de estiagem.

Quais os principais resultados observados (até agora)?

Construção de 47 novas casas de sementes no semiárido, com participação direta de 940 famílias, estimulando a organização comunitária, o intercâmbio e garantindo o patrimônio da humanidade, tornando as casas de sementes espaços de organização comunitária que buscam autonomia na preservação, seleção e abastecimento de espécies vegetais importantes para a agricultura local e para uma alimentação saudável no campo e na cidade.

Status atual da solução

Concluído

Houve algum obstáculo na concepção/implementação da Solução?

Recursos financeiros para continuidade do programa.

A Solução possui financiamento? Quais?

Sim. Organizações públicas.

A Solução possui potencial de escalonamento? Quais?

Sim. Comunidades e assentamentos rurais.

A Solução possui potencial de replicabilidade? Quais?

Sim. As casas de sementes são iniciativas coletivas que podem ser implementadas em todo território brasileiro.

Como ocorre/ocorreu a divulgação da Solução?

Informações sobre a solução

Pergunta: Sim Não
A Solução aborda o uso sustentável de recursos, as áreas naturais e o conhecimento tradicional? -
A Solução aborda problemas de pobreza? -
A Solução aborda os desafios dos direitos humanos, a justiça social, a equidade para todos os povos? -
A Solução aborda a discriminação de gênero? -
A Solução respeita/inclui direitos de povos indígenas e comunidades locais? -
O projeto contribui no fortalecimento do trabalho e renda? -
A Solução estabelece rotas de acesso à informação e para consulta pública? -
Promove a resolução pacífica de conflitos? -
A metodologia utilizada é inovadora? -
A Solução possui uma sistematização/metodologia/passo a passo? -
Ocorre a troca de informações? -
Formou agentes disseminadores do projeto? -

Galeria de Fotos